PAULO DE SIQUEIRA

          Gaúcho nascido em Soledad em julho de 1949, Paulo de Siqueira adquiriu seus conhecimentos em artes visuais de forma autodidata: através de leituras, intercâmbios e produções de obras.

Veio para Chapecó pela primeira vez em 1965 a convite da Família Bertaso para realizar uma decoração de casamento e somente em 1972 se mudou de fato para cá, dando continuidade a seu trabalho como decorador.

O artista trabalhava com diferentes linguagens artísticas, todavia definia-se apenas como escultor, considerando a pintura como passatempo.

          Suas esculturas eram feitas com refugo de materiais, como ferro, aço e o alumínios. Nos anos 80, dedicou-se aos monumentos, acreditando que Arte era um veículos de comunicação e de estética, devendo assim, ser acessível a todos.

          Falecido em 30 de julho de 1996, sua arte e seu “espírito Dom Quixote” continuam vivos em suas obras.

 

➡️ Sobre “O Desbravador” aqui.

➡️ Sobre o Memorial Paulo de Siqueira aqui.

Texto: J.T. | Descubra Chapecó

Fonte: Memorial Paulo de Siqueira